05 abril 2017

Filme: A Bela e a Fera

Sinopse: "Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera (Dan Stevens) e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana."

Antes de falar sobre as minhas impressões sobre o filme, preciso explicar qual a minha relação com a animação de 1991. Primeiro vocês precisam entender que sou fangirl da Disney, adoro todos os filmes e passei grande parte da minha vida os assistindo, em segundo tem o fato de "A Bela e a Fera" ser meu filme preferido da vida e tem também o fato de Bela sempre ter sido minha princesa preferida. Além disso eu não gosto de nenhum live action das animações feito até hoje e sou daquelas que odeia remakes, para mim, time que está ganhado não se mexe. Então quando anunciaram essa nova versão do meu filme amado, preciso dizer que fiquei um pouco receosa, porém fui surpreendida.

Pois vamos começar as impressões dizendo que amei o filme, gostei exatamente porque a Disney não resolveu inventar demais, mas continuou com toda magia e musicalidade da animação de 1991. Para alguns isso é um grande problema, por termos poucas novidades na história, mas para uma fã pra mim foi tudo maravilhoso, só que dessa vez com humanos. Então vá ao cinema esperando ver o mesmo filme, com os mesmos enquadramentos, as mesmas canções e falas.

Claro, que a Disney deu novos toques a história, onde temos uma visão sobre os pais de Bela e até mesmo da Fera. explicações sobre o porquê de todos terem sido amaldiçoados no castelo, porquê ninguém da Vila sabia da existência do castelo, uma imagem mais aprofundada da feiticeira e maior representatividade dos personagens.

Falando de personagens é preciso parabenizar pela escolha do elenco, afinal, temos um elenco de peso. Estamos falando de Emma Thompson, Ian McKellen, Ewan McGregor (sou apaixonada por ele desde Moulin Rouge), Dan Stevens, Emma Wason, Luke Evans, Josh Gad, Stanley Tucci, todos rostos já muito conhecidos do cinema e que se empenharam em trazer os personagens da animação a vida real. Gostei muito da atuação do Ian MacKellen e do Ewan McGregor como Horloge e Lumière, uma dupla impecável e tão divertida quanto a antiga. Adorei Luke Evans e Josh Gad, Gaston e LeFou perfeitos. E aí vem Emma Watson, que não tem uma atuação muito difícil, afinal, Bela não é uma personagem de grandes expressões, mas acho que ela podia ter sido mais expressiva, mas não foi mal. E Dan Stevens, coitado, apareceu muito pouco como ele mesmo para dizermos algo, mas amo ele cantando.

A Trilha Sonora continuou nas mãos de Alan Menken, que além de voltar com as velhas músicas ainda acrescentou outras maravilhosas. Adorei o fato deles não deixarem de trazer a história como um musical, pois pra mim faz tudo ser mais bonito. Então entendam, se você não gosta de musicais, passe longe desse filme, porque vão cantar sim e os fãs vão cantar junto e se emocionar, então não dia que não lhe avisei.

Concluindo, amei o live action por encará-lo como uma homenagem a animação da minha infância. Claro, que o primeiro filme continua sendo meu preferido, mas vejo essa nova versão com carinho. Afinal, as lições da história de amor de "A Bela e a Fera" ainda estão ali e vale a pena mostrar que o preconceito e a ignorância são um horror. No mais saí da sessão emocionada e muito satisfeita com o que fizeram.


Até o próximo post!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo