08 agosto 2013

Filme: Hotarubi No Mori E

Sempre gostei de animações japonesas, principalmente de animações que abordam seres fantásticos e lendas do Japão. Por causa desse meu interesse acabei encontrando uma das animações mais lindas que eu já vi, o nome dela e "Hotarabi No Mori E".



Sinopse: “A história de Hotarubi no Mori e se foca em uma pequena garota chamada Hotaru. Ela se perde em uma floresta que popularmente é dita como uma floresta em que se reside vários espirítos. Na floresta Hotaru se depara com um jovem utilizando uma máscara de raposa. Ele se diz um espirito com uma maldição que no momento que um humano tocá-lo ele irá desaparecer.”


A estória da animação é permeada de criaturas fantásticas, como os espíritos das florestas, e tem toda uma magia. Mas não é apenas mais um filme do universo fantástico, Hotarubi tem uma lição muito bonita e é um filme muito emocionante.

O filme retrata o relacionamento de Hotaru e Gin, que se conhecem na floresta, tudo começa como uma simples ajuda, mas acaba que os dois se envolvem emocionalmente e se tornam melhores amigos. Eles só se encontram nos verões quando Hotaru vai visitar o tio, além de estarem separados durante quase todo ano, eles ainda tem que enfrentar uma barreira física, já que Gin não pode ser tocado por humanos.


O porque dele não poder ser tocado por humanos e usar uma máscara eu não vou contar, pois isso seria um spoiler, mas posso dizer que o desenrolar da estória nos leva a revelações incríveis e nos mostra que amar demais as vezes pode sufocar uma pessoa. Além disso, a animação nos faz perceber que relações e sentimentos não são criados apenas no toque, mas em uma abertura do coração.

Eu não sei quem é o autor de Hotarubi, mas preciso elogiá-lo, sua obra é de uma delicadeza e pureza maravilhosa. Digo isso não só pelo enredo, mas pelo visual que consegue passar toda essa aura de primeiro amor e primeira grande amizade. É daqueles filmes que merecem ser totalmente apreciados.


Já li livros que retratavam estórias semelhantes, mas nenhum tão curto e breve como esse me fez chorar tanto. Hotarubi é um curta de apenas 30 minutos, mas quando acabei de assisti-lo precisei de mais 30 minutos para me recompor, porque não parei de chorar. Depois de todas essas lágrimas eu dei play novamente e me permitir me deliciar novamente com a estória de Gin e Hotaro. E desde esse dia, eu já o reassistir pelo menos 3 vezes, e em todas fiquei emocionada e encantada.

Não pense que o filme é só choradeira, pelo contrário, eu dei boas risada enquanto assistia, principalmente nas partes que se passam na infância de Hotaru.


Hotarubi No Mori E, além de ter uma estória linda possuí uma trilha sonora de arrepiar, quando o filme acaba e sobem os créditos toca uma música, que foi feita especialmente para o filme, e conseguem transmitir tudo o que nos é passado na película.


Minha resenha pode parecer um pouco fraca, mas isso acontece porque eu tenho medo de acabar estragando o efeito surpresa, mas querem um conselho?! Não levem em consideração o que eu digo Hotarubi merece ser assistido, e ele é tão pequeno que quando você assustar já acabou e você vai querer assistir de novo.


Bom Filme!
Até o próximo post!



9 comentários:

  1. "Amar demais às vezes pode sufocar uma pessoa"...

    ResponderExcluir
  2. Acabei de assistir e sem palavras. Toca na alma enfim... Adorei!

    Parabéns pela crítica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dennis
      Toca a alma mesmo, chorei muito quando assisti.
      Obrigada.

      Excluir
  3. Totalmente sem palavras; só posso dizer que eu amei bastante ❤

    ResponderExcluir
  4. Esse autor é um mostro e pronto! desgraçado eu espero que o sorvete dele caia no chão! que ele bata o mindinho na mesa!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo