22 julho 2013

Resenha: Inferno

Antes de iniciar a resenha eu tenho que contar que decidi fazer um cronograma de postagem, para o blog ficar mais organizado, a partir de agora resenhas literárias saem na segunda. Os outros posts eu ainda não planejei, mas em breve vocês terão informações.

Essa resenha literária é de um dos livros que eu mais estava ansiosa para ler esse ano, porque já tinha um bom tempo que eu não lia nada desse autor, que é um dos grandes responsáveis pela minha paixão por livros. Eu até falei sobre ele no meu post  lançamentos literários. A resenha dessa semana é do novo livro do Dan Brown: "Inferno".



Sinopse: "Neste fascinante thriller, Dan Brown retoma a mistura magistral de história, arte, códigos e símbolos que o consagrou em "O Código Da Vinci", "Anjos e Demônios" e "O Símbolo Perdido" e faz de Inferno sua aposta mais alta até o momento. No coração da Itália, Robert Langdon, o professor de Simbologia de Harvard, é arrastado para um mundo angustiante centrado numa das obras literárias mais duradouras e misteriosas da história: O Inferno, de Dante Alighieri. Numa corrida contra o tempo, ele luta contra um adversário assustador e enfrenta um enigma engenhoso que o leva para uma clássica paisagem de arte, passagens secretas e ciência futurística. Tendo como pano de fundo poema de Dante, e mergulha numa caçada frenética para encontrar respostas e decidir em quem confiar, antes que o mundo que conhecemos seja destruído."

Antes de falar o que eu achei desse novo livro preciso dizer que sempre fui uma grande fã e defensora de Dan Brown, um dos meus livros preferidos dele é "Anjos e Demônios". Por que eu estou dizendo isso?! Bom é porque minha opinião sobre "Inferno" não é tão positiva. Sei que o autor vinha caindo um pouco de produção desde "O símbolo perdido", mas eu tinha expectativas elevadas para esse novo.

Dan Brown volta para cidades históricas nessa nova aventura de Robert Lagdon (cara, eu acho essa frase tão brega. kkkk), mais precisamente em Florença. A temática agora é nada mais nada menos que "A divina comédia" de Dante Alighieri (eu queria entender porque cargas d'água todo mundo resolveu enfiar Dante nos seus livros). E em todo esse contexto, para variar bastante, temos alguém querendo matar o pobre Robert Lagdon. Deu pra perceber que o enredo é meio que a receita de sempre e foi exatamente isso que me cansou.

Eu consigo compreender que deve ser confortável para um autor escrever sempre livros padronizados, mas quando você escreve muitos livros assim e que ainda por cima seja com o mesmo personagem, acaba tudo sendo um grande clichê. Claro que tem coisas que estão sempre presentes nos livros de Brown que eu acho importantíssimas, o embasamento teórico dele é fantástico, mesmo o mais leigo consegue entender sobre arte e simbologia (viva a mulher dele, que é responsável por todo esse embasamento).

O livro começa com Lagdon metido mais uma vez em encrenca, só que dessa vez o professor acordou em um hospital com um tiro na cabeça e sem memória, ele não sabe nem o porque de estar em Florença. No hospital ele conhece a misteriosa médica Siena Brooks (ele sempre tem que contar com a ajuda de uma mulher) que está disposta a ajudar Robert, quando uma grandalhona de cabelos espetados vem para matá-lo (isso eu curti, pelo menos agora é vilã). O professor universitário fica surpreso por isso está acontecendo com ele, poxa vida Dan Brown, Lagdon já foi perseguido e desvendou mistérios 3 vezes, como que ele ainda consegue se surpreender com isso?!

Inferno fica semelhante a seus irmãos durante quase todo o livro, mas quase no final o autor consegue dar uma reviravolta que você perde até o rumo de casa. O FDP (perdoem o palavreado) consegue me surpreender e fazer você querer devorar o livro, desejando sair daquele labirinto para que fomos jogados. Eu aconselho que insista no livro (no caso de estar achando ele repetitivo), porque essa estória tem um desfecho impressionante, Dan Brown mostra que mesmo apostando no básico ele sabe a hora de dar a cartada final.

Gostei do livro, por ele abordar "A divina comédia", por continuar tendo conteúdo e por ter um final incrível. Muita gente não vai concordar com a minha opinião (eu tenho certeza), mas achei o livro médio. Eu acho que o autor já teve dias melhores, mas indico a leitura, porque os livros de Dan Brown são de uma bagagem cultural impressionante e merece ser lido.

Inferno já tem os direitos comprados para virar filme, eu tenho um problema com as adaptações cinematográficas dos livros de Brown. Isso acontece porque primeiro eles sempre mudam o final e segundo é porque Robert Lagdon é descrito como um professor bonitão e charmoso, aí eles vão lá e colocam o Tom Hanks para interpretar ele?! Não faz sentido. Mas com toda certeza eu irei assistir, porque eu não consigo evitar essa mania de ver filmes de livros.

Espero que eu não seja apedrejada por não ter achado o livro tão sensacional, mas eu senti que tá faltando novidade.

Boa Leitura!
Até o próximo post!

2 comentários:

  1. Oi adorei sua resenha!.. muito obrigado...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?
    busca.livrariasaraiva.com.br/saraiva/Reverso
    www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html

    ResponderExcluir
  2. Concordo muito com o que falaste no texto. Comprei o livro assim que foi lançado aqui no Brasil e confesso que lá pela página duzentos e pouco abandonei a leitura por achar que era mais do mesmo. Entretanto, esse ano resolvi dar uma segunda chance e de fato valeu a pena ler até o fim. Gostei muito do final e acho que o que Dan Brown aborda no livro é uma questão importantíssima.

    ResponderExcluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo