09 março 2015

Resenha: Minha Irmã Mora Numa Prateira

Sabe aquele livro que você vai lendo e vai ficando mal, porque queria entrar na estória e ajudar as personagens? Entâo, "Minha Irmã Mora Numa Prateleira" é bem assim.


Sinopse: "Jamie Matthews tem 10 anos de idade e uma família desintegrada por uma tragédia: aos cinco, sua irmã gêmea foi morta num ataque terrorista em Londres. De lá pra cá, sua mãe saiu de casa, seu pai bebe cada vez mais, sua irmã mais velha se transformou numa típica adolescente rebelde. Em meio ao luto e ao clima de ódio e ressentimento que Jamie sequer entende muito bem, ele encontra numa amiga de origem islâmica a companhia e o afeto de que precisa."

Nunca tinha ouvido falar do livro nem da autora Annabel Pitcher, mas uma colega de trabalho falou que a estória era ótima, que era um dos melhores livros que ela já leu e que eu precisava conhecer. Eu preciso confessar que no começo eu fiquei um pouco receosa, porque no verão eu não gosto de ler livros tristes, porque acho que não combina, mas foi inevitável não devorar as páginas.

O enredo do livro é bem real, em alguns momentos cheguei a acreditar que aquela estória aconteceu e que o Jamie estava por aí em algum lugar do mundo. Acho que por essa sensação de realidade conseguiu me envolver profundamente com as personagens e queria invadir o livro e tentar ajudá-las. Mas como não se sentir assim, quando um garotinho de 10 anos é negligenciado pelos pais e sofre bullying.

O que mais me incomodou no livro forma os pais de Jamie, eles preferiam viver suas vidas em função de uma filha morta, do que prestar atenção aos outros dois que estavam vivos. Me irritava com eles, porque posso até entender a dor de perder um filho, mas acho que isso não justifica abandonar os outros. Mas ainda bem que mesmo sendo péssimos pais eles criaram duas crianças incríveis, porque Jamie  e sua irmão são maravilhosos, ele por ter um coração doce e puro e ela por ser capaz de tudo por ele.

Adoro Jamie, mas a minha personagem preferida é a Menina M, adoro o jeito corajoso, criativo e carinhoso com que ela faz as coisas. Fiquei torcendo para que tudo desse certo e ela conseguisse ser amiga de Jamie. Sofri com os momentos em que as pessoas foram agressivas com ela e vibrei quando ela conseguia se vingar.

Para concluir, preciso dizer que "Minha Irmã Mora Numa Prateleira" é um estória de amor, amizade e companheirismo. Daquelas que emocionam, que ao mesmo tempo esquenta o nosso coração e que merece ser lido. Uma indicação que eu faço questão de passar pra frente.

Boa Leitura!
Até o próximo post!




2 comentários:

  1. Oi, tudo bom?
    Esse título me chamou a atenção. Pelo o que deu pra perceber parece ser um livro bem triste, faz tempo que eu não leio nada assim. Fiquei curiosa pra conhecer esse protagonista que sofre tanto e enfrenta tanta coisa!
    Beijos
    http://romanticaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Edna
      Leia sim. O livro é incrível e suuper vale a pena.
      Bjo

      Excluir

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo