17 fevereiro 2014

Lobos de Mercy Falls: Espera

Finalmente estou fazendo a resenha do segundo volume da trilogia "Os Lobos de Mercy Falls", na verdade ela para ela já ter saído no ano passado, porém a blogueira aqui procrastinou, procrastinou e esqueceu do livro e precisou relê-lo. Mas aqui estou eu fazendo a resenha do livro de Maggie Stiefvater, uma das minhas autoras preferidas, que no entanto não me conquistou em "Espera"


Sinopse: "Em Espera, Grace e Sam devem lutar para ficar em juntos. Para ela, isso significa desafiar seus pais e manter um segredo muito perigoso a respeito de seu próprio bem-estar. Para ele, isso significa lutar contra seu passado de lobisomem... e descobrir uma maneira de sobreviver no futuro. Adicione a essa mistura um novo lobo chamado Cole, cujo passado tem o potencial de destruir toda a matilha, e Isabel, que já perdeu seu irmão para os lobos, e, apesar disso, se sente atraída por Cole."

A minha primeira reclamação é a respeito da diagramação feita pela editora Agir, que resolveu destoar o segundo livro totalmente do primeiro, fazendo com que eles não pareçam pertencer a mesma série. Uma lástima, uma vez que a edição gringa é maravilhosa.

Mas a escrita de Maggie ainda é deliciosa, já a elogiei na resenha de "Calafrio" e "Corrida de Escorpião", fazendo com que você devore seus livros sem se dar conta, principalmente com sua ótima narração em primeira pessoa. Pois é, estou elogiando um livro narrado em primeira pessoa, porém seria uma blasfêmia não elogiar a maneira como a autora consegue ser a personagem, e isso é visível em "Espera" onde temos quatro narradores completamente diferentes. Porém mesmo com toda essa escrita incrível esse livro causou uma decaída na série.

Fiquei decepcionada com a continuação da estória de Sam e Grace, como desconfiava desde de "Calafrio", esse livro foi uma extensão desnecessária. "Espera" é um sofrimento sem fim,que eu achei que acabaria com a cura de Sam, mas não, temos o casal principal tendo que lidar com mais obstáculos. Isso tornou Sam, já melancólico no primeiro livro, em um garoto irritantemente depressivo, gerando uma certa preguicinha.

Enquanto o casal principal me matava de preguiça, Isabel e Cole incendiavam o enredo. Gostei dos dois juntos, de seus momentos e de suas narrações. Principalmente Cole St Clair, que pra mim é mais maduro do que sua idade e transpira sex appel, com toda certeza minha personagem preferida.

Mesmo amando Maggie Stiefvater e sua escrita, achei que "Lobos de Mercy Falls" deveria ter finalizado em apenas um livro. Já havia drama suficiente em "Calafrio", não precisava de um segundo livro para gerar mais problemas. Porém irei ler "Sempre" para saber mais sobre Cole e me deliciar com a escrita da autora.


Boa Leitura!
Até o próximo post!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo